Cidade

Internet de Graça ou Remédios nas UPAS. Qual Prioridade?

Ate parece que estamos em franca campanha eleitoral para a Prefeitura da Serra, e o prefeito está em busca de votos. Com uma forte atuação em ações midiáticas e priorizando as grandes mídias, semanalmente podemos ver materiais, cuja relevância é mais para a arrecadação de votos do que, colaborar com a melhoria da qualidade de vida da população.

Dizem que, o Prefeito vem realizando café da manhã nas comunidades. E segundo as informações, aparecem sempre cargos comissionados e alguns moradores. Diferente de Sergio Vidigal, que preferia as chamadas ações populistas como  “Serra Cidadã”, o atual prefeito vai com ações mais elitizadas.

So para ter um exemplo, além deste projeto “Serra On-line” cuja matéria diz ser “inédita”  e que, na verdade foi iniciado na gestão de Sergio Vidigal com a implantação de pontos em alguns bairros como Feu Rosa, Vila Nova Colares e Laranjeiras. Agora, a liberação do carro Fumacê para atuar dentro dos condomínios. Ou seja, mais uma vez quem ganha é a elite, a comunidade em segundo, ou melhor último plano, isso se sobrar espaço.

Não estamos dizendo que, os moradores de condomínios não merecem ficar sem as indesejadas muriçocas, mas condomínio é uma área particular e deveria ser obrigação dos proprietários em providenciar o conforto necessário para os moradores. Se não bastasse a famosa Arvore de Natal que valorizou uma região de condomínios de uma grande construtora, agora mais esta ação da prefeitura.

Os gastos da Prefeitura com a mídia (pelo menos com a grande mídia) é visível. Ja que, semanalmente são varias matérias elogiando a Serra e eles esquecem as coisas ruins que aqui acontecem. Também shows e mais shows priorizando artistas e bandas de fora da cidade e também priorizando alguns pouquíssimos produtores, da chamada panelinha serrana.

Porém, artistas independentes como o Cantor Sertanejo Messias Cávoli, não foi contemplado com nenhum show de verão e carnaval. Apesar, dele ter um curriculum profissional e que poderia concorrer como “Artista Regional”, a exemplo da Banda Cheiro da Cor e Banda Cheiro Moreno.

Em contra partida, a lista dos shows deste ano, só contempla alguns artistas e na sua maioria são ligados a dois produtores da cidade. Tem banda cujo produtor é assessor de um vereador da base aliada do prefeito, que recebeu nada menos que 03 shows só no carnaval, além dos shows do verão e das festas de final de ano.

As pessoas perguntam sempre quando estamos cobrindo eventos, por que o Prefeito não comparecia em festas antes e agora não sai de cima dos palcos?

E não importa qual festa, ele que não compareceu nos anos anteriores as festas de final de ano, mudou e subiu no Palco da Festa de São Benedito. Mas, a popularidade do prefeito nunca esteve tão baixa. Nem o Prefeito e nem seu secretariado tem o carisma necessário para aumentar a popularidade. Antes ele tinha o PT e o PSB.

E agora????

Share