You are currently viewing Deputado Evair de Melo garante recursos para vacina  contra a febre amarela

Deputado Evair de Melo garante recursos para vacina  contra a febre amarela

Foto: Divulgação

A preocupação do avanço da febre amarela no Espírito Santo levou o deputado federal Evair de Melo (PV-ES) ao Ministro da Saúde, Ricardo Barros, na tarde desta terça-feira (17), para oferecer, caso seja necessário, 100% do montante de suas emendas orçamentárias individuais de 2017 ao Ministério da Saúde, para a compra, distribuição, controle e combate da febre amarela e de outras endemias que possam ameaçar a tranquilidade dos brasileiros e dos capixabas.

O Estado deverá receber 500 mil doses da vacina, o que é insuficiente para imunizar todos os moradores. A necessidade imediata fica por conta da população residente nas cidades que fazem divisa com Minas Gerais, onde 38 pessoas já morreram e outras dezenas seguem internadas nos hospitais mineiros. Com a medida o deputado quer que 100% da população capixaba seja imunizada.

“A febre amarela é um problema real e urgente que interfere com a vida e com o cotidiano do povo. As consequências vão além da saúde porque causa impacto negativo no comércio, na indústria e no campo. Estou ciente da celeridade do Ministério em atuar no Estado, enviando 500 mil doses de vacina e este ato gera nossa gratidão. Contudo, o número de vacinas é totalmente inferior à real necessidade do Estado e não será suficiente para atender satisfatoriamente à população do Espírito Santo. Considero ser necessária a vacinação de todos os capixabas” afirmou Evair de Melo.

Desde o início da suspeita de casos de febre amarela, o deputado já estava se posicionando no sentido de proteger, de forma incondicional, o Espírito Santo, mas também os turistas, principalmente com os mineiros que têm no nosso Estado um dos destinos principais.

No encontro com o deputado o ministro disse que como o Estado não é foco de febre amarela, as doses que haviam em estoque no Espírito Santo eram suficientes para atender a demanda de quem precisasse tomar a vacina. Ressaltou que, quarta-feira (18) foram enviandas 500 mil doses para o Espírito Santo e que o Ministério colocou toda a estrutura disponível para atender o governo capixaba. Ricardo Barros afirmou ainda que tem vacina suficiente para atender toda a demanda do Estado.