Cidade

CENTRAL ÚNICA DAS FAVELAS (CUFA) INAUGURA SEDE EM FÉU ROSA, NA CIDADE DE SERRA/ES

Juventude brasileira soma um total de 51 milhões de pessoas, na faixa etária de 15 a 29 anos (Classificação das Nações Unidas – ONU). Segundo o ministro-chefe da Secretaria de Assuntos Estratégicos (SAE) e o presidente do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), Marcelo Neri, o aumento da população jovem brasileira são um dos principais desafios do país, além de ser a agenda mais importante no sentido de traçar o futuro da nação.

Essa juventude representa hoje, uma força de trabalho que pode beneficiar a produtividade e a produção, mas torna-se necessário uma atenção maior para com esses jovens, pois é preciso qualificá-los e dar oportunidades para que eles possam ingressar no mercado de trabalho. Ações nesse sentido são fundamentais para prevenção do atual problema enfrentado pelos brasileiros, a violência.

Atualmente, a violência é o problema que mais aflige e preocupa os brasileiros. Ela estreita as relações humanas, deixa a sociedade aterrorizada e gera uma sensação de impotência diante do crime. Nesse cenário de medo e insegurança sempre surgem teses arriscadas e precipitadas, como a que joga toda a culpa da escalada da violência em cima da juventude.

Partindo desse ponto, tem se criado muitos projetos e ações para direcionar os jovens e formá-los cidadãos de bem. Fazendo parte desse cenário, a CUFA (Central Única das Favelas), uma organização criada a partir da união entre jovens de várias favelas do Rio de Janeiro, principalmente a juventude negra, que vem buscando espaços para expressarem suas atitudes, questionamentos, ou simplesmente sua vontade de viver e mudar esse cenário.

A Cufa é uma organização sólida reconhecida nacionalmente pelas esferas políticas, sociais, esportivas e culturais. Iniciou suas atividades no ES em 2004 e foi fundada por Marcelo Gomes Siqueira, o Marcelinho, que é presidente até a presente data. Nesses quase dez anos de existência, a Central já realizou atividades em toda a Grande Vitória e também em alguns municípios do interior, tais como: Conceição da Barra, São Mateus, Cachoeiro, Alegre e Marataízes.

Em comemoração ao Dia Mundial da Juventude, celebrado em 22 de setembro, a Central Única das favelas (Cufa) inaugura sua sede no Espírito Santo. A solenidade de inauguração aconteceu nessa quinta-feira (19/09), às 19:00 h, na Rua dos Cravos, S/N, ao lado da Associação de Moradores de Feu Rosa. A programação segue até o próximo domingo dia 22/09.

Presentes na solenidade, autoridades Estaduais, Municipais, lideranças comunitárias e moradores de Feu Rosa. O coral do bairro Feu Rosa fez uma apresentação maravilhosa na abertura do evento. O coral mostrou como a união das vozes pode mudar e transformar as realidades dos jovens serranos.

O presidente da Associação de Moradores de Feu Rosa em entrevista para a tvserra.com, disse que essa parceria com a Cufa vai trazer grandes benefícios para os jovens, para os moradores de Feu Rosa e para a população Serrana.

Essa parceria entre a associação e a Cufa é de grande importância para o bairro Feu Rosa e a população serrana. Já “que, torna-se necessário mudarmos a realidade de nossos jovens”.

O presidente da Câmara Municipal da Serra, o vereador Guto Lorenzoni, disse para a jornalista da tvserra.com, que essa inauguração é um momento impar para o Município da Serra, pois a Cufa vem trazer um apoio e crescimento para a população jovem, que precisa de um tratamento especial e oportunidades.

“A Cufa, esse movimento forte tem um grande potencial, através de suas atividades e oficinas, orienta e forma o futuro de nosso país, os jovens. Qualificar a nossa juventude serrana é abrir novos caminhos e formar cidadãos de bem, que possam desenvolver sua identidade de forma responsável”. Pontuou Guto Lorenzoni.

Vejam mais fotos em nossa fanpage do facebook. (click aqui)

Share