Home » Cidade » População em Laranjeiras revoltada com Prefeitura da Serra

População em Laranjeiras revoltada com Prefeitura da Serra

CamelôsUm forte sentimento de “indignação” foi o que se pode sentir na Avenida Central em Laranjeiras, hoje pela manhã. Não apenas por parte dos vendedores ambulantes que perdiam suas mercadorias, mas também por parte da população consumidora que circulava pela avenida para suas compras de final de ano.

Hoje (06/12/2013) uma sexta-feira, aconteceu o segundo dia de ação dos fiscais da prefeitura Municipal da Serra para remanejamento dos Camelôs que atuavam na Avenida Central do maior centro comercial da cidade.

De acordo com um fiscal que pediu para não ser identificado, a ordem é identificar os camelôs que ja possuem cadastro na Prefeitura e remaneja-los para as ruas transversais e aqueles que não são cadastrados terão seu pertences apreendidos.

Como podemos notar a ordem estava sendo cumprida a risca e tanto ontem como hoje, carros da PMS ja estavam cheios nas primeiras horas da ação.

Como havíamos antecipando em nosso artigo ontem sobre o assunto, houve hoje um principio de tumulto na Avenida Central e foi obrigado a intervenção da policia Militar do Estado do Espírito Santo.

Alguns vendedores ambulantes gritavam palavras de ordem contra a ação da Prefeitura e também contra o Prefeito Municipal Audifax Barcelos. Segundo um trabalhador informal, a Prefeitura não está pensando nos trabalhadores, ja que neste período de festas é o momento que eles tem para ganhar um pouco mais. Segundo eles esperavam que as negociações avançassem ate o próximo ano e o remanejamento acontecesse apenas em um período de baixa venda.

Uma consumidora com suas sacolas de compras nos procurou e disse que ficava chateada com os políticos que não deixam as pessoas trabalharem honestamente, e que ela não esperava algo assim desta administração.

Mas, é preciso compreender que os trabalhadores informais, apesar de fazer circular o dinheiro negociando produtos muitas vezes mais baratos que uma loja tradicional, não pagam impostos e nem mesmo aluguel. Estes são os argumentos utilizados pelos lojistas que acreditam que os camelôs criam uma concorrência desleal.

Um comerciante da Rua Estácio de Sá disse que, a prefeitura não esta beneficiando a todos os comerciantes que pagam impostos. Tiram as barracas da Avenida Central e transfere para as outras ruas. “Isso é tirar a roupa de um santo para vestir outro”. Pontuou ele.

Tentamos falar com representante da PMS, mas não fomos atendidos.

Os Camelôs prometem que continuaram a realizar manifestação tanto em Laranjeiras como em frente a prefeitura da Serra na esperança de sensibilizar o prefeito Audifax Barcelos.

Share

Sobre Claudio Pinho "In Memorian"

Veja tambem

Vendo máquina que produz bobina picotada fundo reto e fundo estrela

Máquina nova (modelo MKB 3200RD), uso de apenas 30 dias, ano 2016. Produz bobina picotada …

Share
%d blogueiros gostam disto: